Com a chegada dos fundos de investimento ao mercado dos provedores regionais de acesso à internet e serviços de telecomunicações, o perfil desse segmento começa a mudar. A tendência é de acelerar o ritmo de consolidação de empresas, pois todas as líderes da banda larga no varejo têm planos de crescimento. A maior operadora do grupo ainda é uma empresa isolada, a Brisanet, do Ceará. Em seguida, vem o Grupo Acon, que reune seis provedores em cinco estados. A terceira colocada é a recém criada Vero, da Vinci Partners, que comprou oito provedores em Minas Gerais. A quarta posição fica com a fluminense Sumicity, que em dezembro recebeu uma injeção de capital do EB Partners. Em quinto lugar está a Unifique, de Santa Catarina, criada em 1997, em Timbó, ainda no tempo da internet discada.

Leia a íntegra da matéria aqui.