Itacoatiara é a terceira cidade mais populosa do Amazonas e faz parte da região metropolitana de Manaus

Sócios desde 2016 na Click IP, um anel metropolitano de fibra óptica que vende capacidade no atacado para provedores de acesso à internet, os empresários Neilson Reis e Maykon Souza decidiram ampliar sua parceria. Neilson comprou 50% do provedor Icon, que tem sua sede em Itacoatiara, a 270 quilômetros de Manaus, onde Maikon já era o diretor técnico com participação de 20%. E juntos finalizam a compra da operação em Manaus de um provedor voltado ao mercado corporativo.

Apesar de todos esse movimentos, a ideia, por enquanto, não é consolidar as operações. “Vamos manter as várias marcas, cada uma com seu foco de mercado”, relata Maykon. Além da questão tributária – com as marcas isoladas, as empresas podem se manter no Simples, beneficiando-se de uma alíquota de imposto mais baixa –, Maykon diz que a relação com o usuário é mais transparente. “O cliente corporativo às vezes tem dificuldade de entender porque os valores cobrados de uma empresa são superiores aos de um plano doméstico”, exemplifica. “Ele não entende que as exigências de qualidade de serviço são diferentes, de contingência, etc”.

No futuro, no entanto, Maykon entende que o processo de consolidação das marcas pode vir a ser irreversível.

“Tudo vai depender de como o mercado vai evoluir. Mas a profissionalização das empresas é um caminho sem volta. Não há mais espaço para aventureiros, para quem não quer investir”, avalia Maykon.

Investimentos

Na compra da Icon (Maykon ampliou sua participação de 20% para 50%) e da operação do provedor corporativo em Manaus, mais a ampliação da rede da Icon no interior, a dupla de empresários está investindo cerca de R$ 6 milhões. Cada um deles continua com a operação que já tinha na capital antes de se associarem para montar o anel metropolitana. Maykon é dono da Interlink, um provedor que atua na Zona Norte atendendo clientes residenciais; Neilson tem a Fiber Network.

Para levar o sinal até Itacoatiara, cidade de 100 mil habitantes importante na logística de escoamento da soja, Maykon diz que foi lançado um link terrestre de 80 quilômetros por cabo óptico, com capacidade de 10 Gbps, ligando Manaus a Rio Preto da Eva. Até então, todas as conexões eram via rádio. O cabo é da Cablena e a parte eletrônica da Datacom. A partir dali, a conexão segue via rádio até Itacoatiara.

De acordo com Maykon, no momento a Icon já cabeou cerca de 60% da cidade de Itacoatiara onde tem 1.200 assinantes. A meta é chegar ao final do ano com 2 mil assinantes, entre empresas e residências. A Icon atende a outros municípios da região por meio de rádio.