Receita da Fibracem cresce 43% no primeiro semestre


A Fibracem fechou os seis primeiros meses de 2021, com um crescimento de 43% no seu faturamento em relação ao mesmo período do ano anterior. De acordo com a CEO da companhia, Carina Bitencourt, a evolução se dá pela regularização gradual na cadeia de suprimentos e por um cenário de mercado menos instável, mesmo com as inseguranças geradas pela pandemia. “A partir disso, buscamos trabalhar com mais ênfase em uma estratégia expansionista da base produtiva, sempre procurando a satisfação total do cliente pela qualidade dos produtos”, explica. 

A executiva entende que o bom desempenho da companhia se deve à maior eficiência na qualidade da gestão e logística das unidades fabris, nas cidades de Curitiba (Paraná) e de Linhares (Espírito Santo), que estão em plena operação. “Sempre trabalhamos com a ideia de conhecer e entender as reais necessidades daqueles que usam os nossos produtos, os profissionais de telecomunicações. Com isso, procuramos desenvolver soluções mais assertivas e com uma disponibilidade cada vez mais rápida a eles”, comenta Carina. 

PUBLICIDADE

Para a CEO, o crescimento no faturamento aumentou também a produção industrial da empresa. Só neste primeiro semestre, a indústria foi responsável por colocar duas novas linhas de produtos no mercado, a Premium Fibracem – Linha Air –, com as soluções pré-conectorizadas para entrar no segmento Plug And Play e a Linha Volare de acessórios para poste, com produtos completamente dielétricos, além do Cabo Óptico Drop F8 Fit. 

Para atender a forte demanda, a indústria precisou contratar mais colaboradores e aumentar a mão de obra qualificada. “Nesse primeiro semestre, vimos o número de pessoal expandir em 20% em relação ao mesmo período do ano passado, passando de 304 para 365 funcionários”, celebra a CEO. 

Segundo Semestre 

Para o segundo semestre, a expectativa é que a Fibracem continue se sobressaindo no mercado. De acordo com a CEO, investimento em novas tecnologias ainda neste ano guiarão as novidades em produtos da empresa. Já lançada a CTO NAP POP 1×8, o objetivo é até final do ano lançar a expansão de até 1×16, prevista para o 4º trimestre. 

Além disso, para a linha Volare será lançado o Suporte Universal Para Ancoragem de Cabo (SUPA), com várias opções de configurações e opção de suspensão de cabos.(Com assessoria de imprensa)
 

Previous Sencinet cadastra ISPs para ampliar oferta de produtos
Next Bruno Consul é promovido a Vice-Presidente da Neo

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *