Em mais uma investida para aumentar seu portfolio de serviços, a MOB Telecom quer dar prioridade este ano para a oferta de serviços para que a casa de seu cliente fique mais conectada. O projeto smart house está a todo vapor na empresa e começa por uma cobertura reforçada de Wi-Fi na casa do cliente.

Para Sayd Bayde, vice-presidente comercial da MOB, essa é uma área que vai colocar em ação a convergência de tecnologias. A segurança será um dos pontos importantes,  com a instalação de câmeras conectadas e softwares inteligentes que permitirão o monitoramento completo da residência.

Mas também está nos planos agregar em uma única solução as plataformas de streaming e canais à plataforma de smart house. “Queremos ter diversidade de soluções que possam atender tanto à classe A quanto à classe C”, comentou.

Ao mesmo tempo, a empresa também mantém em ritmo acelerado a sua estratégia de viabilizar a oferta do serviço de banda larga na região Nordeste em cidades com até 100 mil habitantes que estão na rota de seu backbone de fibra óptica. Recentemente, adquiriu a base de clientes da ZapNet Telecom, provedora de Campos Sales na região da Chapada do Araripe no sul do Ceará.  Em dois anos, quer conquistar cerca de 200 mil clientes banda larga no país. Atualmente, conta com 30 mil assinantes.