O governo do Estado do Rio Grande do Norte finalizou este mês uma licitação na modalidade de pregão eletrônico para substituir as conexões de dados de mais de 300 pontos da região metropolitana de Natal e de diferentes cidades espalhadas pelo Estado.

A empresa vencedora foi a potiguar Interjato com uma proposta que vai trazer cerca de 40% de economia para o governo do estado. O diretor da Interjato, Erich Rodrigues, explicou que no Rio Grande do Norte, o governo dependia de contratos de emergência antigos firmados com a empresa Oi, que vinham sendo prorrogados desde 2012, por meio de renovações.

PUBLICIDADE  

“No ano passado a Interjato participou da cotação na última contratação emergencial e ofertou a menor proposta, mesmo com velocidades em média três vezes maiores. Agora com a licitação para o contrato definitivo, o preço final resultou em aproximadamente 40% a menos do que o estimado. Quem ganha com isso é o cidadão que terá um Estado mais eficiente na transmissão de dados e mais econômico com os recursos públicos”, observou o empresário.

Um dos lotes vencidos pela Interjato contempla o atendimento das 14 unidades do Centro Administrativo com velocidade mínima simétrica de 1 Gbps (ou seja, mesma velocidade para download e upload). Serão atendidos também 170 pontos no interior do estado com uma combinação de tecnologia de fibra e rádio licenciado com velocidades que variam de 2Mbps a 20 Mbps. O contrato é na modalidade de Ata de Registro Preço podendo ter a adesão de outros órgãos no Brasil e tem vigência de 12 meses com possibilidade de renovação por sucessivos períodos de 12 meses.

A Interjato está presente em mais de 70 municípios do RN, atende grandes clientes do mercado corporativo e entes públicos dos três poderes nas esferas municipal e estadual.

(Com assessoria de imprensa)