A Celérix, empresa fornecedora de backbone de alta da capacidade (DWDM), anunciou sua atuação internacional, com a chegada de sua rede ao Paraguai. O objetivo é proporcionar ao país vizinho uma economia de custos com internet, além do aumento de velocidade e qualidade do serviço de conexão, onde há uma oferta limitada.

Segundo o diretor da Celérix, Fernando Oliveira Filho, o foco é ofertar capacidade às prestadoras de telecom do Paraguai, que atualmente só contam com acesso via Argentina ou de baixa capacidade na conexão com o Brasil. “Nossa solução, além de dobrar a atual performance das operadoras em termos de rede, também reduzirá cerca de 30% o custo com dados”, afirmou o executivo, que participou da Abrint 2019, evento que reuniu provedores em São Paulo.

No mercado brasileiro, o plano da Celérix é ampliar as próprias rotas subterrâneas em 100%, passando dos atuais 1.100 km para 2.200 km, até o final de 2021. Os investimentos previstos são de R$ 100 milhões, disse Oliveira.

Atualmente, os backbone da Celérix atendem a 43 municípios dos estados de Goiás, Minas Gerais e São Paulo, além do Distrito Federal, onde a empresa atende a órgãos do governo federal. Pelo projeto de expansão, a previsão é de que o número de cidades atendidas chegue a 70.