Provedores do Pará criam a Appit


Foi criada, dia 25 de novembro, na cidade de Altamira (PA), a Associação Paraense de Provedores de Internet e Telecomunicações (Appit). Presidida por José Selestino Trevisan Jr., a organização surgiu de uma dificuldade que há mais de um ano afeta o segmento: a falta de expansão do backbone local, em virtude da estagnação de investimentos da Eletronorte.

“Nossos embates iniciais são junto à Eletronorte e à Celpa. A Eletronorte há mais de um ano não negocia banda, por falta de investimentos que acompanhem a demanda de tráfego de dados na região da Transamazônica. São 35 cidades com mais de 1 milhão de habitantes, atendidos unicamente pela estatal. A Celpa está com preços abusivos, inviabilizando o crescimento de redes no estado do Pará”, diz Trevisan.

PUBLICIDADE  

Também estão no escopo de atuação da Appit ações para driblar embaraços burocráticos com o estado, com entidades que regulamentam o setor, entre outras medidas que gerem melhorias nas infraestruturas de redes no Pará. A meta é que a associação tenha pelo menos um integrantes de cada um dos 144 município paranaense até final de 2018.

Diretoria
Presidente: José Selestino Trevisan Junior;
Primeiro vice-presidente: Mario Jose Soares De Lira;
Segundo vice-presidente: Marcos Antonio Pereira;
Diretor administrativo: Josué Castro dos Santos;
Diretor de serviços internet e telecomunicações: Alan Carneiro;
Diretor de serviços para associados: Jocenir Gomes da Silva;
Diretor financeiro: Lucivaldo Silva Maia.

 

Conselho Fiscal

Ruy Barbosa Borges França; Camila Letícia Queiroz Pires de Moura; Juventino Gonçalves Dos Santos Neto. Suplentes: Bartolomeu Lopes Gurgel; Alan Igino De Mello; Marcos Antonio Pereira.

Previous PNAD 2016: Sudeste tem maior concentração de casas com acesso à internet. Nordeste, a menor.
Next Cemig Telecom faz acordo de swap com a Sumicity

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *