Um projeto para monitorar a qualidade das operadoras de internet brasileiras, do ponto de vista de disponibilidade de sinal (ou seja, avaliar a qualidade de serviço), foi desenvolvido pelo engenheiro elétrico Pedro Bertoleti. Todos os dados colhidos de indisponibilidade (DownTime) são armazenados em nuvem, nas plataformas ThingSpeak e Twitter. A ferramenta é totalmente gratuita, open-source, livre para quem quiser usar.

“O Monitorador de DownTime no Linux está completamente alinhado com as normal da Anatel e pode ser usado como ferramenta do artigo 46, resolução nº614/2013, que regulamenta desconto na fatura para certos períodos de indisponibilidade de sinal”, diz Bertoletti.

Mais informações?
http://pedrobertoleti.com.br ou escreva para phfbertoleti@gmail.com