Operadoras divergem sobre uso de redes neutras por ISP


Nogueira vê pouco uso de redes neutras por ISP/Crédito: Divulgação
Nogueira vê pouco uso de redes neutras por ISP/Crédito: Divulgação

O CEO da Desktop, Denio Alves, disse que ISP optar por usar rede neutra para ampliar a atuação é voltar a ficar nas mãos das grandes operadoras. “Me preocupa a divisão de responsabilidades na ponta, como manter a qualidade do serviço se o problema é da rede de terceiro”, questiona.

Alves, que participou nesta quarta-feira, 13, de live da Nic.br, afirmou que ISPs são mais eficientes em construir redes com menor custo e alta qualidade, “coisa que as grandes operadoras não conseguem fazer”. Para ele, é o mesmo que abrir mão de parte expressiva da empresa.

PUBLICIDADE

Para José Roberto Nogueira, CEO da Brisanet, se as redes neutras surgissem há 10 anos teriam grande sucesso. Agora, acredita que vale mais para ser usadas por ISPs em bairros no centro das grandes cidades. “Nas pequenas cidades e periferias, onde os provedores regionais já atuam, não faz sentido”, disse.

Fabiano Busnardo, CEO da Unifique, disse que ainda não tem uma opinião formada sobre o uso de redes neutras por ISP dada a variedade de modelos no mercado. Ele admite que a empresa pode optar por terceirizar a instalação de novas redes.

Fases

Nogueira afirmou que os ISPs passam por várias fases de organização à medida que vai crescendo, mas quando chega a 100 mil assinantes estão preparados para escalar. “Nessa fase, qualquer erro grave define a existência do provedor”, alertou.

Segundo o CEO da Brisanet, é preciso encontrar meios para que o suporte ao atendimento seja melhor a cada dia.

Previous Documentação da rede é fundamental para ISP escalar
Next Leilão de sobras: Anatel nega pedido de cancelamento de débitos a ISPs

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.