Solo Network oferece vantagem para que ISP migre para nuvem da Microsoft


O ISP que quiser transferir seus serviços para a nuvem pública da Microsoft (Azure) não pagará pela migração nem a primeira mensalidade. A oferta é da consultoria de TI Solo Network e vale até o final de maio. A empresa tem mais de cinco mil clientes em todo o Brasil e de todos os portes, desde startup até grandes corporações. 

Segundo o CEO da empresa, Max Camargo, a Solo passou, em quatro anos, de um faturamento de R$ 60 milhões para R$ 270 milhões e ainda tem muito para crescer. “A demanda por tecnologia nesses tempos de pandemia, exige que pelo menos parte dos serviços das companhias sejam prestados por meio de nuvens terá dificuldade em fazer home office”, afirmou. 

A Solo leva as aplicações legadas, aquelas que ficam no ambiente dos clientes, para nuvem, permitindo que sejam acessadas de qualquer lugar. Na visão de Camargo, essa situação vai ter continuidade e mesmo que a pandemia seja superada, o trabalho híbrido será uma opção viável.  

PUBLICIDADE  

Mesmo nesse ambiente de pandemia, a Solo, segundo seu dirigente, conseguiu crescer 56% em 2020. “O crescimento no primeiro trimestre desse ano também continua forte, cumprimos 90% do planejado para o ano”, disse Camargo. 

O executivo vê no mercado de ISP uma grande possibilidade de crescimento. Assim como o agronegócio, onde a Solo já tem uma presença forte, por meio de apoio a startup. Camargo afirma que muitas empresas agrícolas já estão trabalhando totalmente na nuvem. 

Além da parceria com a Microsoft, a Solo trabalha com a Adobe, Check Point, de segurança de borda, e a Kaspersky, dona de um dos antivírus mais bem conceituados do mundo e que tem um quarto do mercado brasileiro. A consultoria tem sede em Curitiba (PR) e filiadas em vários estados do país. 

 

Previous Empresa de TI busca pessoal para contratação imediata
Next RCS: a evolução do mercado de mensageria

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *