Programa Green IT da Furukawa garante sustentabilidade da Scala Data Centers


A Scala Data Centers – empresa do grupo Digital Colony, um dos maiores em infraestrutura digital do mundo e que recentemente comprou torres móveis da Oi e da Phoenix Towers no Brasil, investe em sustentabilidade. Uma dessas iniciativas foi a adesão ao Programa Green IT da Furukawa, que tem o objetivo de contribuir para o descarte adequado de cabos de comunicação e energia, de modo a preservar o meio ambiente e reduzir a utilização de recursos não renováveis. 

“Temos na empresa uma área voltada à Governança Ambiental, Social e Corporativa (ESG, na sigla em inglês) e, recentemente, nos tornamos a primeira empresa de data center na América Latina a migrar o consumo de energia totalmente para fontes renováveis”, afirma Stefan Potje, gerente de data center da Scala. “A parceria com o programa da Furukawa veio ao encontro dessa preocupação da empresa com a questão da sustentabilidade”, acrescenta. 

PUBLICIDADE  

Potje conta que a Scala possui, atualmente, dois data centers em operação e outros dois em construção, todos na região metropolitana de São Paulo, além de projetos de expansão no próprio estado e em outros países da América Latina. “No decorrer de 2020, fizemos a reforma de algumas áreas e, também, melhorias na infraestrutura dos data centers, que geraram um volume de material que precisava ser descartado”, explica. 

Com a utilização do Programa Green IT, foram reciclados 2.437 quilos de material procedentes dos dois data centers da empresa – 1.317 quilos do site na capital paulista (situado no bairro dos Campos Elíseos) e 1.120 quilos do site Tamboré, em Barueri. Esse volume representa 1.219 quilos de materiais contaminados com metais pesados que deixaram de ser depositados em aterros industriais – e lançados no meio ambiente. Além disso, a reciclagem do material coletado propiciou redução na extração de minério de cobre (da ordem de 231.515 quilos) e, ainda, uma economia no consumo de energia suficiente para abastecer 155 residências durante um mês. 

“Temos todos o dever, como cidadãos, de nos conscientizarmos sobre a utilização de recursos renováveis, assim como buscar e implantar práticas para a sustentabilidade do planeta. A utilização de recursos renováveis e a redução no consumo de energia, além da própria preservação do meio ambiente, são fatores essenciais e compõem um dos pilares do nosso programa de ESG. E o Programa Green IT está alinhado a esse compromisso da Scala Data Centers”, conclui Potje.(Com assessoria de imprensa) 

 

Previous Banda larga fixa recua para 35,7 milhões de acessos em fevereiro
Next Serviços de telecomunicações recuam 1,8% em fevereiro

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *