Entidades e teles terão 90 dias para contestar lista de cidades do PGMU V


Associações de provedores regionais e operadoras terão 90 dias para se manifestar sobre a lista de cidades aprovada pelo Conselho Diretor da Anatel para receberem backhaul de fibra óptica com recursos do Plano Geral de Metas de Universalização (PGMU V) de 2021 a 2025. Ao todo, foram indicadas 380 sedes de municípios e 2.151 localidades brasileiras que ainda não dispõem dessa tecnologia, de acordo com dados da agência. 

Segundo Cristiane Sanches, do Conselho de Administração da Associação Brasileira de Provedores de Internet e Telecomunicações (Abrint), já foram identificadas cidades que contam com fibra óptica, informações que serão levadas à Anatel. Ela disse que o levantamento ainda está em curso. 

O acórdão da Anatel foi publicado nesta quarta-feira, 28, no Diário Oficial da União. 

PUBLICIDADE  
Previous IPv7 evolui, disputa licitação no BID e é classificada em segundo lugar
Next Looke anuncia as novidades da semana para assinantes

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *