InternetSul busca aproximação com o legislativo


A InternetSul (Associação dos Provedores de Serviços e Informações da Internet) criou um grupo de trabalho parlamentar (GTIP), junto a deputados estaduais do Rio Grande do Sul, incluindo Any Ortiz (Cidadania), Ernani Polo (PP) e Frederico Antunes (PP). O objetivo é aproximar a entidade do poder legislativo, por meio de encontros trimestrais para levar as demandas do setor de Internet.

“A ideia é impulsionar e acelerar políticas públicas, não apenas para crescimento do setor, mas também para buscar a evolução do segmento, permitindo que os associados possam ampliar serviços e crescer potencialmente no município em que atuam”, explica o vice-presidente da InternetSul, Fábio Badra.

O GTIP foi apresentado aos primeiros parlamentares selecionados nesta semana, em reunião que teve a presença do presidente da InternetSul, Ivonei Lopes, do vice-presidente, Fábio Badra, diretor de Marketing, Alexandro Schuck, diretora jurídica, Andréa Abreu Fattori, e do conselheiro e integrante da Anatel, Fabiano André Vergani.

Conforme Vergani, o grupo será permanente. “Nos encontros com deputados, a cada três meses, debateremos de que forma podemos conectar a tecnologia com políticas públicas, abrindo espaço para que as empresas de TIC sejam protagonistas nesse processo”, ressalta ele, que representa a Internetsul no Comitê de Prestadores de Pequeno Porte da Anatel (CPPP).

“O GTIP vai participar, junto às autoridades governamentais, com debates para a definição das políticas que ajudam o desenvolvimento dos provedores regionais (ISPs) e a regulamentação do mercado”, explica Schuck. “Nossa missão é levar a todos os lugares conexão, comunicação e possibilidades. Os ISPs são, neste momento, uma mão na roda para nortear a evolução deste serviço nas mais diversas regiões do país, ou seja, um grupo unido em ações conjuntas para fortalecer a si próprio e ao mercado, beneficiando, por fim, a todos: empresas, funcionários e cliente final”, finaliza o presidente Ivonei Lopes.

Hoje, a InternetSul já atua em outras frentes junto ao governo, como o Inova RS, realizado pela Secretaria de Inovação, Ciência e Tecnologia do RS, que visa incluir o estado no mapa global da inovação, o Conecta RS, voltado a conectar escolas estaduais à rede de fibra óptica de alta velocidade, e o Receita 2030, plano que objetiva modernizar a administração tributária gaúcha, tema de grande interesse das empresas de Telecom.(Com assessoria de imprensa) 

 

Previous Empresas anunciam novas vagas na área de TI
Next Impactos do Box TV ilegal sobre os ISPs

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *