V-expert reposiciona modelo de negócio para enfrentar a competição


V-expert muda para enfrentar a competição/crédito: divulgação
crédito: divulgação

O crescimento da competição no mercado de banda larga fixa associado a um cenário econômico de altas nos insumos, inflação, e incertezas, fez a Experts Telecom, que está localizada em Curitibanos (SC) reformular completamente sua forma de atuar, alterando também sua identidade visual e a proposta de serviço ao cliente. O provedor de internet de SC, com mais de 16 anos de atuação, e presente em mais de 52 cidades, predominantemente no planalto oeste de SC, já é conhecida após um ano de execução de um plano inovador.

A operadora afirma que está atenta aos movimentos do mercado, e entende que o crescimento de sua operação exigirá muito mais do que a aquisição de clientes de forma orgânica. A V-experts vê no mercado a possibilidade de se tornar o principal consolidador de pequenos e médios provedores nas regiões em que atua, e também nas novas regiões que planejou atuar. Para 2022, o planejamento é cobrir 60 cidades de SC e RS.

PUBLICIDADE

Na avaliação da empresa, a onda de crescimento da competição pela conexão, ou seja, pelo acesso de novos clientes será mais intensa daqui pra frente, e se prepara para oferecer solução completa aos seus clientes, onde além da oferta de Banda Larga de alta velocidade, também estimula a venda da telefonia fixa principalmente ao B2B, e móvel, além de um completo conteúdo de TV em tecnologia IP.

Competição

Maurício Boch, fundador e diretor geral da empresa explica que: “O desempenho da empresa nos últimos anos aconteceu fundamentalmente pelo respeito às pessoas, e isso nos fez criar um dos mais modernos centros de operação de redes, e um suporte ao cliente primoroso, o cliente que nos conhece e usa os nossos serviços nunca mais nos abandona”, conclui o empresário.

Esse grande diferencial em um mercado extremamente competitivo motivou a empresa a adotar uma estratégia audaciosa, não se preocupando mais com a permanência do cliente vinculado por contratos, ou seja, o cliente terá total liberdade para aderir aos planos e serviços sem fidelidade.

Segundo o empresário, o que levou a tomar essa decisão foi exatamente quando analisando seus processos internos avaliou que os principais motivos de churn de base, não são aspectos de qualidade, e que nesse caso não há razão para prender ou penalizar o cliente, como quanto o cliente precisa se mudar para outra região em que a rede não atende.

Sabendo que a continuidade do crescimento, passa pela extrema profissionalização, otimização de processos e estrutura enxuta,  o crescimento de base também é muito importante para compor economia de escala, e compensar a redução  das margens pressionadas pelo aumento dos insumos e da inflação, esse é o caminho que a V-expert vê pela frente como o modelo ideal de atuação para uma operadora , afirma Rudinei Carlos Gerhart, consultor de telecomunicações que vem ajudando a empresa nesse processo de reestruturação.

A empresa já iniciou a execução do plano ainda nesse mês quando absorveu outro pequeno provedor da região, onde valores e quantidade de clientes não foram divulgados. Também pretende investir no desenvolvimento de redes neutras, tanto no fornecimento quanto na contratação de infraestrutura e já está em negociação com uma das maiores fornecedoras de redes neutras do país. Outros cinco ISPs serão comprados, com auxílio de um fundo, ano que vem. Estão finalizando os contratos neste sentido.(Com assessoria de imprensa)

Previous Competitivas mantêm lideranças no terceiro trimestre de 2021
Next ConnectoWay vai distribuir transceptores ópticos da Skylane

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.